12 Benefícios incríveis da moringa para sua saúde



Para quem não sabe, a moringa é uma árvore, conhecida como Árvore da Vida. Proveniente de países com clima tropical, ela é nativa de partes da Ásia e da África. Todas as partes da moringa, desde as raízes até as flores e frutos, podem ser utilizadas para diversos propósitos.

É comum ver a moringa ser adicionada em receitas e chás, por exemplo. Mas por que usar a moringa?

12 Benefícios da moringa

  • Reduz a inflamação;
  • É rica em antioxidantes;
  • Melhora o seu humor;
  • Ajuda a prevenir alguns tipos de câncer;
  • Melhora os níveis de glicemia;
  • Melhora a digestão;
  • Ajuda a equilibrar importantes hormônios do organismo;
  • Revitaliza a sua pele;
  • Ajuda no controle do colesterol;
  • Ajuda a emagrecer;
  • É eficaz contra doenças respiratórias;
  • E é bom para quem tem asma.

Moringa e diabetes

O consumo da moringa é ótimo para quem sofre de diabetes tipo 1 e tipo 2. Isso porque a moringa demonstrou, em diversos estudos, impulsionar naturalmente o sistema imunológico, que geralmente se torna comprometido nos portadores desta doença.

A diabetes também costuma causar uma série de problemas circulatórios, que podem ser evitados com o consumo de anti-inflamatórios naturais, como esta planta. Sem falar quem a moringa é rica em magnésio, potássio, cromo e zinco. O zinco, para quem tem diabetes, é vital, pois possui importantes funções envolvendo a insulina.


Como cultivar a moringa em casa?

Em princípio, esta não é uma planta muito fácil de cultivar e requer algum cuidado. O vaso deve ser largo, com pelo menos 15 centímetros de diâmetro. E você deve se certificar que, no futuro, sua planta terá acesso aos raios do sol.

Veja abaixo o passo a passo para germinar suas sementes:

1. Deixe as sementes de molho em água por 24 horas antes de iniciar o plantio.

2. Depois, remova a água e seque-as.

3. Coloque-as em um saco de plástico e deixe em um local quente escuro, por um período entre 3 e 14 dias.

4. Neste período, verifique todos os dias e já houve, ou não, a germinação. Você começará a notar uma pequena muda saíndo da semente. Quando estiver muito grande, será o momento de transplantá-la, para não ficar fragilizada.

5. No final destas duas semanas, coloque as sementes, com as mudas crescidas já e a raiz, em terra fresca. Lembre-se de colocar as raizes bem posicionas e deixe o vaso ao sol.

Regue regularmente, mas nunca demais!

As dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. E para obter os resultados mencionados também é preciso aliar a uma vida e alimentação saudável e equilibrada.

No vídeo abaixo, você consegue ver os benefícios do chá dessa planta:


Loading...